Alimentos funcionais: prebióticos, probióticos e simbióticos.

Atualizado: 18 de Mai de 2018




Você sabe o que são os alimentos funcionais? São alimentos que além de apresentarem sua função básica de nutrição (garantir nutrientes como carboidratos, proteínas, lipídeos, vitaminas e minerais), beneficiam a nossa saúde contribuindo nos efeitos metabólicos e fisiológicos.

Se os alimentos funcionais tivessem uma bula, as seguintes ações estariam entre os seus efeitos: redução do risco de doenças crônicas degenerativas, proteção do corpo contra os radicais livres, melhora do funcionamento do intestino. Além disso, podem atuar como poderosos medicamentos naturais. No que tange a saúde intestinal, vale lembrar que está intimamente relacionada ao fortalecimento do sistema imunológico, eliminação de toxinas do organismo, e ainda, à redução do apetite por doces e sensação de bem-estar. Alguns alimentos funcionais atuam diretamente no âmbito intestinal, conheça a verdadeira função dessas substâncias no organismo.

Probióticos Muito usados em iogurtes e leites fermentados (lactobacilos vivos), os probióticos são microorganismos vivos também presentes na nossa microbiota (conhecida usualmente como flora intestinal), que têm a função de auxiliar o funcionamento do intestino , protegendo a barreira intestinal contra substâncias que possam vir a ser prejudiciais além de evitar a proliferação de bactérias que possam nos fazer mal.

Prebióticos São fibras não digeríveis, que serão fermentadas pela nossa microbiota em nosso intestino. A sua presença estimula o crescimento de alguns tipos de bactérias benéficas levando a um melhor funcionamento do intestino, o que diminui os riscos de infecções. Os prebióticos também podem diminuir a absorção de gorduras pelo intestino, diminuindo assim o colesterol total e aumentar a concentração de minerais como cálcio, ferro, zinco e magnésio.

As fibras prebióticas mais comuns são: - a inulina, encontrada no almeirão, chicória, trigo, cebola, alho e alho poró; - a pectina, encontrada em frutas cítricas, maças, cenoura, farelo de aveia, soja, lentilha e ervilha; - e os chamados Frutooligossácarideos (FOS), presentes em alimentos como a banana verde

Simbiótico É o nome dado a produtos que associam os prebióticos com os probióticos a fim de intensificar os efeitos dos dois componentes.

No Oásis você encontra um menu de baixo índice glicêmico deliciosamente combinado com os alimentos funcionais citados acima.

Devido à natureza dos nossos serviços e por não contarmos com infraestrutura direcionada, o Oasis só hospeda maiores de 12 anos.